Evite a intoxicação do seu Cão por Chocolates

Foto Divulgação

Foto Divulgação

Cuidado com o seu cãozinho, pois um pequeno pedaço de chocolate, pode intoxicá-lo. O chocolate é muito perigoso para os cães, porque contém teobromina e cafeína, que podem intoxicá-los. A teobromina estimula o sistema nervoso central e o músculo cardíaco dos cães, podendo intoxicar e até matar. Este estimulante é encontrado na semente do cacau, usada na fabricação do chocolate. A teobromina atua no sistema nervoso central, e no coração dos cães, intoxicando e provocando ataques epilépticos.

Quanto mais escuro, for o chocolate, mais teobromina possui e maior é o risco de intoxicação. O chocolate amargo, é o que causa maior risco de intoxicação, pois possui em torno de 1,35% de teobromina. A dose tóxica de teobromina para cães é em torno de 100-150 mg por kg de peso e a dose letal, é entre 250-500 mg por kg de peso.

Como a quantidade de teobromina varia de acordo com o tipo de chocolate, a intoxicação vai depender da quantidade que for ingerida pelo cãozinho. O perigo de intoxicação é bem maior para os cães menores.

Observe a quantidade de teobromina nos diferentes tipos de chocolates:

Foto Divulgação

Foto Divulgação

. Chocolate em pó: 400 a 737 mg em cada 30 gramas.

. Semente de cacau: 300 a 1500 mg de teobromina em cada 30 gramas.

. Chocolate industrial: 390 a 450 mg em cada 30 gramas.

. Chocolate amargo: 135 mg em cada 30 gramas.

. Chocolate ao leite: 44 a 66 mg em cada 30 gramas.

. Chocolate branco: 0,25 mg em cada 30 gramas.

No chocolate em que a teobromina for baixa, o perigo é a gordura do chocolate, que pode causar diarreia e vômitos.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *